Primeiro jogo de tabuleiro de Dungeons & Dragons® no Brasil

“A Masmorra do Mago Louco” traz o RPG mais famoso do mundo para a versão de tabuleiro com mais de 40 miniaturas e 13 aventuras inéditas em português.

 

O maior RPG da história, Dungeons & Dragons®, teve um lançamento inédito no Brasil nesta segunda-feira (18/05): A Masmorra do Mago Louco: Board Game. A Galápagos Jogos – principal editora no Brasil dos maiores títulos mundiais de jogos de tabuleiro modernos, cartas e RPG – informa que o produto já está disponível em lojas parceiras e também na sua loja online (www.galapagosjogos.com.br).

Um produto aguardado pelos brasileiros fãs da marca, A Masmorra do Mago Louco: Board Game é um jogo que traz toda a experiência do Role Playing Game (RPG) para uma versão de tabuleiro. Com 43 miniaturas e 13 cenários exclusivos, o jogo pode ser combinado com outros itens Dungeons & Dragons®, sendo suas miniaturas compatíveis com os grids de RPG.

 

A jogo é totalmente cooperativo, ou seja, os participantes se juntam para derrotar os desafios apresentados durante a partida. Os jogadores criam seus personagens e se aventuram nos labirintos de uma masmorra sob o domínio de Halaster, o Mago Louco. Em busca de tesouros, encontrarão surpresas, monstros, armadilhas e mistérios, numa história que se revela com as escolhas dos jogadores.

Reproduzindo uma das aventuras mais aclamadas de D&D®, o jogo comporta até 5 participantes, e pode ser desfrutado também em modo solo. As partidas têm duração de cerca de 60 minutos.

 

Por conta da adaptação para jogo de tabuleiro, A Masmorra do Mago Louco é indicado também para aqueles que querem experimentar o universo do RPG mas não sabem por onde começar.

 

 

 

Primeiro jogo de tabuleiro de Dungeons & Dragons® no Brasil

Fábio Silvestrini
Sobre o autor
- Italo-hispânico com personalidade mais puxada para a segunda, Silvestre é formado em propaganda e marketing, mas viveu boa parte de sua vida curtindo games em terceira pessoa, futebol e estrelados por personagens famosos dos cinemas e dos HQs. Dos quadrinhos, aliás, nasceu outra de suas paixões, o desenho. Logo, não se espante caso algum review do cara venha acompanhado por alguma ilustra bacana.